(22) 3853-1290.jpg
Rua dos Leites, 35 - Centro - Pádua - Tel. (22) 3851-0739.jpg
(22) 3861-3595.png
(22) 3861-2200  3861-2397.jpg

Atlético domina, mas vê Palmeiras reagir nos minutos finais e levar a decisão para o Allianz

Nesta quarta-feira (03), Atlético Mineiro e Palmeiras estiveram frente a frente para disputar os primeiros 90 minutos das quartas de final da Libertadores. Em um Mineirão lotado, o Galo chegou a abrir 2 a 0, mas viu os adversários empatarem nos acréscimos do segundo tempo e levarem a decisão para o jogo da volta, que acontece na próxima quarta-feira (10) no Allianz Parque.


Foto: Fred Magno/O TEMPO

Vindo de dois títulos consecutivos do maior campeonato do continente, podemos dizer que o Verdão sabe muito bem jogar uma competição deste nível. Poucas equipes da América do Sul conseguiriam empatar uma partida, fora de casa, após sair perdendo por dois gols de diferença. Talvez poderia ter voltado para São Paulo até mesmo com um resultado melhor, mas Dudu desperdiçou a chance mais clara dos alviverdes no jogo.


Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

Por outro lado, o empate ficou de ótimo tamanho, podendo ser comemorado como se fosse uma vitória, porque o time comandado por Abel Ferreira foi completamente dominado pelos atleticanos. Somente no primeiro tempo, o Galo perdeu a oportunidade de selar a partida, pois Keno e Ademir não souberam aproveitar as chances concedidas pelos visitantes.


A sorte também parecia não caminhar junto ao Atlético. Depois de uma tentativa falha de bicicleta de Zaracho, Ademir ficou cara a cara com Weverton, mas a bola parou na trave do goleiro alviverde. No rebote, em que a pelota poderia sobrar para um jogador da casa, já que haviam dois na pequena área, ela foi em direção ao atleta palmeirense, salvando o que seria o primeiro gol do jogo.


Foto: Reprodução/Conmebol

Na equipe paulista já foi diferente. Quando Raphael Veiga foi derrubado por Keno na entrada da área, Gustavo Scarpa foi para a cobrança e mandou no travessão, mas a bola voltou em direção a Murilo, que estava entre os dois defensores rivais, que nada puderam fazer para evitar o tento do Palmeiras.


Foto: Cesar Greco/SE Palmeiras

Até aquela altura da partida, a derrota por 2 a 1 já era um alívio para os atuais campeões da América, visto que o Atlético poderia ter saído com um placar mais amplo. Porém, na reta final do confronto, Scarpa cobrou um escanteio na cabeça de Dudu, que se redimiu, tocando para Danilo apenas empurrar para o fundo da rede.


Se o revés por um gol de diferença já não era tão ruim, o empate pôde se comemorar como se fosse uma vitória. Agora, na semana que vem, qualquer triunfo palmeirense leva o time de Abel Ferreira mais uma vez para a semifinal da Libertadores. Será que o Galo vai conseguir impedir esse feito?

(22) 3861-2956.jpg
Rua Mal. Floriano Peixoto, nº 98 Centro, Miracema - RJ.jpg
CalceMais.calcados.jpg