(22) 3853-1290.jpg
Rua dos Leites, 35 - Centro - Pádua - Tel. (22) 3851-0739.jpg
(22) 3861-3595.png
(22) 3861-2200  3861-2397.jpg

Chris Godwin e sua luta para mudar o mundo


Foto: Reprodução/Instagram

O wide reciever do Tampa Bay Buccaneers, Chris Godwin, se mostrou ativo no auxílio dos veteranos de guerra que desenvolvem distúrbios psicológicos e estresse pós-traumático após seu tempo em exercício.


O atleta é criador da fundação Team Godwin Foundation, em conjunto de sua esposa, Mariah, e em parceria com a 9s For Warriors. O programa “Helping Heroes Program”, da entidade, trabalha no resgate e nos cuidados de cães que são violentados em abrigos e abandonados na rua, que, ao receber os devidos tratamentos, são treinados durante nove meses e doados aos ex-membros das forças armadas estadunidenses.


Ao falar sobre o programa, o atleta diz:

“Eu não acho que você pode subestimar o que dar esperança a alguém pode fazer. Acho que os cães em geral fornecem isso, mas os cães de serviço - por qualquer motivo que alguém possa precisar - apenas tendo essa companhia, sabendo que haverá alguém que pode te entender de alguma forma... só te dá esperança de que o sol virá no dia seguinte. Para aqueles que sofreram traumas durante seu serviço em campo, eles entendem que essa atitude não salva somente uma vida, mas duas.”

Rebeca Stevens e Carlos Cruz são veteranos que, após seu retorno aos Estados Unidos, sentiram grande dificuldade de retornar à vida normal. Paranoias, distúrbios psicológicos, abuso de drogas e internações em hospitais psiquiátricos eram comuns em suas vidas pós-serviço. Rebeca recebeu Bobbi em sua casa, um labrador; Carlos recebeu Hannah, também um labrador; ambos tiveram suas vidas mudadas, para melhor, após a chegada de seus novos companheiros.


De acordo com National Veterans Suicide Prevention, em 2019, cerca de 6261 veteranos cometeram suicídio, ao passo que quase 400 mil cães sofreram eutanásia nos Estados Unidos. Alguns estudos mostram que os níveis de cortisol, hormônio do estresse, no corpo de ex-membros das forças armadas diminuiu e pode estabilizar quando eles estão na companhia de animais.


Chris Godwin também criou o “Projeto GOAT”, que foi lançado antes do Super Bowl 55, em Tampa, onde 55 GOATs foram criadas e vendidas para divulgar a conscientização sobre a luta para combater o tráfico humano e a exploração sexual infantil. O projeto tem como objetivo fornecer financiamento para organizações dedicadas ao resgate e reabilitação de vítimas de tráfico humano.





Ademais, sua fundação também atua no

resgate de animais que estão em áreas destruídas por furacões e outros desastres naturais na Baía de Tampa. Esse trabalho também recebe ajuda de outras instituições, como a The Lance McCullers Jr. Foundation e Compassion Kind, que fornecem suprimentos essenciais e realizam o transporte de animais desabrigados.



Foto: Reprodução/Instagram

Além disso, o jogador criou a campanha "Receptions for Rescue", que convida os fãs do time e, consequentemente, do atleta, para fazer doações monetárias para cada recepção concluída que ele fizer durante a temporada da NFL para ajudar seu projeto. Desde o início da temporada, Godwin já fez 67 recepções completas.

(22) 3861-2956.jpg
Rua Mal. Floriano Peixoto, nº 98 Centro, Miracema - RJ.jpg
CalceMais.calcados.jpg