• Henrique Chiapini Pereira

Com o fim da terceira rodada do Brasileirão, Botafogo é o único, do Rio de Janeiro, sem vitória

Nesse domingo, 16, foi finalizada a terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Com a derrota do Athletico Paranaense, o Atlético Mineiro se tornou o novo líder da competição. Porém, a surpresa, até então, é o Vasco. A equipe cruzmaltina venceu a sua segunda partida consecutiva, mantendo 100% de aproveitamento. Dos times do Rio de Janeiro, apenas o Botafogo não saiu vitorioso.



Coritiba x Flamengo



Foto: Alexandre Vidal/Flamengo


No último sábado, o Coritiba recebeu o Flamengo, no Couto Pereira. Após iniciar o campeonato com duas derrotas (quatro gols sofridos e nenhum marcado), os rubro-negros voltaram a vencer. No entanto, o futebol apresentado não está sendo o mesmo de "antes" da pandemia. O time carioca, que era considerado imbatível pelos rivais, está vivendo um momento de oscilação. Além dos jogadores não estarem na forma física ideal, a falta de ritmo de jogo também assusta os torcedores. No início do Campeonato Brasileiro, o Flamengo estava há três semanas e meia sem jogar uma partida oficial, enquanto os demais clubes disputavam os estaduais. É fato que isso afetou nos últimos resultados da equipe. Buscando recuperar o bom e velho futebol, o Flamengo voltará a campo hoje, às 19h15, contra o Grêmio, no Maracanã.



Vasco x São Paulo



Foto: Rafael Ribeiro/Vasco


No último domingo, o Vasco venceu o São Paulo e manteve 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. O artilheiro do time, Germán Cano, fez os dois gols dos cruzmaltinos, enquanto Reinaldo descontou para os visitantes. Além do Vasco, Atlético Mineiro e Bahia também permanecem invictos, porém apenas o 'Galo' realizou os três jogos da competição.


Com os tentos de domingo, Cano balançou as redes 11 vezes, em 15 jogos com a camisa vascaína. Vale ressaltar que, para a engrenagem de um time funcionar, os zagueiros também precisam estar na mesma sintonia. Contudo, esse não é um problema para o 'Gigante da Colina'. Vivendo uma ótima fase, Leandro Castán comanda o setor defensivo do Vasco. No jogo contra o São Paulo, o zagueiro foi soberano, ganhando todas as bolas, tanto por cima, quanto por baixo. A fim de continuar mantendo a invencibilidade, os cruzmaltinos voltarão a campo amanhã, às 20h, para enfrentar o Ceará, na Arena Castelão.



Fluminense x Internacional



Foto: Lucas Merçon/Fluminense F.C.


De virada, o Fluminense venceu o Internacional e subiu seis posições na tabela. Agora, o time comandado por Odair Hellmann é oitavo colocado, com quatro pontos.


Principalmente no primeiro tempo, enquanto Paolo Guerrero estava em campo, o Internacional construía as melhores ocasiões de gols. Tanto que, aos 27 minutos, após uma cobrança de escanteio, a bola respingou na grande área e sobrou para o centroavante peruano estufar a rede.


No retorno para o segundo tempo, o Fluminense voltou melhor e com uma postura mais agressiva. Além de neutralizar os colorados, os tricolores conseguiram a virada. Nenê, em duas cobranças de pênalti, colocou o 'Time de Guerreiros' na frente. Os gols desestabilizaram o Internacional e preocuparam a torcida, pois Guerrero rompeu o ligamento do joelho e está fora até o fim da temporada.


Agora, William Pottker terá a missão de substituir o artilheiro peruano. No primeiro jogo sem o atleta, o Inter receberá o Atlético Goianiense, enquanto o Fluminense visitará o RB Bragantino.



Fortaleza x Botafogo



Foto: Ronaldo Oliveira/Photo Premium


Em um jogo "morno", o Fortaleza empatou com o Botafogo, no último domingo, e está na penúltima colocação do Campeonato Brasileiro. Já o Alvinegro se encontra na décima quarta posição. Porém, ambas as equipes seguem sem vencer na competição.


No primeiro tempo, o Botafogo dominou um pouco mais a partida. Com passes rápidos, Honda controlou o meio-campo e deu sequência às jogadas. Mas nada que "enchesse" os olhos dos torcedores, que viram os dois times produzirem pouco e saírem apenas com o empate do Castelão.


O técnico do 'Glorioso', Paulo Autuori, apostou em uma novidade na escalação. Com Victor Luís na lateral-esquerda, o treinador optou por Guilherme Santos mais avançado. Entretanto, raras foram as oportunidades do lateral improvisado.


Ainda assim, houve uma polêmica na decisão da arbitragem. Aos 34 minutos da primeira etapa, Gabriel Dias caiu em cima de Bruno Nazário, na grande área, mas o árbitro do embate, Marielson Alves Silva, marcou apenas tiro de meta.


Buscando a primeira vitória no Brasileirão, o Botafogo receberá o Atlético Mineiro, líder do campeonato, hoje, às 21h30, no Engenhão. Enquanto isso, o Fortaleza visitará o Goiás, também hoje, às 20h30, no Estádio da Serrinha.

14 visualizações

Receba nossas atualizações.

  • Ícone do Facebook Branco
  • Branca Ícone Instagram

© 2020 por Giro Esportivo.