(22) 3853-1290.jpg
Rua dos Leites, 35 - Centro - Pádua - Tel. (22) 3851-0739.jpg
(22) 3861-3595.png
(22) 3861-2200  3861-2397.jpg

Dia 2: Copa do Mundo tem primeira goleada e jogos mais acirrados

Segundo dia de Copa do Mundo tem goleada inglesa, sufoco holandês, e empate entre Estados Unidos e País de Gales.


Foto: Paul Ellis/AFP

Diferente das segundas-feiras "normais", o dia 21 de novembro começou muito animado. Isso porque às 10h, Inglaterra e Irã entraram em campo para abrir o Grupo B do torneio. Neste jogo, o que não faltaram foram gols. Em uma bela exibição dos ingleses, a equipe dirigida por Gareth Southgate aplicou 6 a 2 nos adversários.


Com o resultado e o futebol que foi apresentado, fica difícil até mesmo eleger apenas um destaque da partida, já que a Inglaterra foi impecável ofensivamente. Por ser um jogador novato e ter feito dois tentos logo na estreia, Bukayo Saka é um dos grandes nomes desta nova geração inglesa, juntamente com Bellingham, que tem somente 19 anos.


Foto: AFP

No começo da tarde, foi a vez da Holanda entrar em campo para enfrentar a seleção senegalesa. Mesmo sem Sadio Mané, os africanos não deram sossego para os rivais. Desde os minutos iniciais, o trio de ataque assustava o goleiro Noppert, que estava estreando pela Laranja Mecânica justamente em um jogo de Copa do Mundo.


Do outro lado, o goleiro de Senegal era nada mais nada menos que um dos melhores do mundo, porém, ironicamente, foi ele quem falhou nos dois gols holandeses. Aos 39 minutos do segundo tempo, De Jong levantou a bola na área para Gakpo antecipar a saída pífia de Mendy e abrir o marcador no estádio Al Thumana. Já aos 54, Depay finalizou fraco, mas o arqueiro do Chelsea rebateu nos pés de Klaassen, que só empurrou para o gol vazio, decretando o 2 a 0 no placar.


Foto: Nicolas Tucat/AFP

Encerrando o segundo dia da Copa, Estados Unidos e País de Gales estiveram frente a frente em busca dos três pontos no estádio Al Rayyan. Embora estivesse começado melhor do que os adversários, os norte americanos só foram inaugurar o marcador aos 36 do primeiro tempo. Após um belo passe de Pulisic, Weah só teve o trabalho de tirar do goleiro Hennessey para estufar a rede galesa.


Porém, na volta do intervalo, a seleção de Gales foi superior, construindo mais oportunidades e, consequentemente, conseguindo o empate nos pés de Gareth Bale, que cobrou o pênalti que ele mesmo havia sofrido. O resultado deixa o grupo embolado já na primeira rodada, porque uma dessas seleções deve garantir a segunda colocação, caso a Inglaterra confirme o seu favoritismo.

(22) 3861-2956.jpg
Rua Mal. Floriano Peixoto, nº 98 Centro, Miracema - RJ.jpg
CalceMais.calcados.jpg